sábado, 24 fevereiro, 2024

EXPEDIENTE | CONTATO

Cantora sofre racismo em aeroporto do Rio: ‘Revistaram meu cabelo’

A cantora Luciane Dom relatou em suas redes sociais que viveu uma situação de racismo ao ter seu cabelo revistado no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (14). Na postagem feita no X, a artista disse que foi parada para uma “revista aleatória” minutos antes de embarcar a caminho de São Paulo.

Ela ainda escreveu que pediram para revistar seu cabelo e desabafou: “Eu estou sem chão. Nem sei o que pensar”. No Instagram, a cantora escreveu um texto em desabafo à violência que sofreu. Nas redes sociais, a cantora recebeu apoio de colegas e fãs, mas também foi alvo de mensagens racistas.

A ministra de Igualdade Racial ,Anielle Franco, se manifestou sobre o caso no X, informando que está se mobilizando para entender e acompanhar a história. Ainda lembrou quando sua irmã, a ex-vereadora Marielle Franco, passou por situação semelhante em 2017, no aeroporto de Brasília.

Em nota, a Infraero, que administra o Santos Dumont, informou que “a cantora Luciane Dom foi selecionada aleatoriamente para uma inspeção manual” e que “após averiguação interna, foi constatado por imagens de câmeras de segurança que não houve uma inspeção nos cabelos”.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

 

Arquivos