quarta-feira, 21 fevereiro, 2024

EXPEDIENTE | CONTATO

Em João Pessoa, Detran-BA discute avanços tecnológicos

Com a participação do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia ( Detran-BA), foi aberto, nesta quinta-feira (15), no Hotel Tambaú, em João Pessoa, o 60° Encontro Nacional dos Detrans. O evento reúne dirigentes de órgãos de trânsito e especialistas em segurança viária até sexta-feira (16), na capital paraibana.
Estão sendo discutidos os avanços tecnológicos no setor, com destaque para a implantação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) digital e a troca da placa veicular para o padrão Mercosul, que terá entre os itens de segurança, marca d’água, tira holográfica e código bidimensional. Por determinação do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), a CNH-e entra em vigor no dia 1° de julho, enquanto a nova placa começa a valer em 1° de setembro para veículos novos. A Bahia participou dos estudos que resultaram nas medidas.
“Nosso objetivo é desvincular as versões digital e impressa da CNH, para que o cidadão tenha o direito de escolher. Na Bahia, a carteira eletrônica vai custar R$ 95. No emplacamento, mesmo antes da mudança, aperfeiçoamos procedimentos de segurança, com a exigência do código de barras para rastrear a placa. O modelo Mercosul vai fechar o cerco às fraudes”, afirmou o diretor-geral do Detran-BA Lúcio Gomes.
Os Detrans discutem também os impactos da Lei Seca na redução do número de acidentes. A operação ‘Paz no Trânsito’, desenvolvida pelo Detran-BA, foi apontada como uma das experiências bem sucedidas no país, na área de fiscalização. “O combate ao infrator que dirige alcoolizado tem que ser toda hora, todo dia, sempre. Os Detrans precisam estar unidos pela valorização da vida no trânsito”, acrescentou Lúcio Gomes.

Arquivos