sábado, 25 maio, 2024

EXPEDIENTE | CONTATO

Tse vai julgar situação da prefeita oposição acredita em cassação

A oposição de Camamu está na expectativa sobre a pauta do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que terá o processo da prefeita loná Queiroz (PT). A oposição acredita que a chance é real da prefeita ser cassada e ser realizada uma nova eleição.

A oposição fundamentou a ação no precedente de Tianguá/CE, cuja análise de constitucionalidade está pendente de julgamento no Supremo Tribunal Federal.

Para entender, lona teve uma condenação em 2008, e existe uma discussão sobre quando vence os oito anos de inelegibilidade, ou em 2 ou 5 de outubro de 2016. No caso de Tianguá, a maioria dos membros do TSE entenderam que vence em 5, com isso Ioná terá seu registro indeferido e mandato cassado.

Arquivos