25 de junho de 2021 às 09:09
Escolha seu idioma:

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Agente de saúde é a primeira indígena a ter coronavírus confirmado


Publicado em: 02/05/2020 10:44
Por: Redação Bahia Municípios Com AgênciasFoto: Reprodução / Jovens Kokama


A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas confirmou nesta quarta-feira (1) o primeiro caso do novo coronavírus entre índios brasileiros. Segundo a fundação, vinculada à secretaria estadual de Saúde (Susam), trata-se de uma jovem de 20 anos de idade, da etnia Kokama, que trabalha como agente de saúde indígena na região da cidade de Santo Antônio do Içá (AM).

O município, que fica na microrregião do Alto Solimões, integra o Distrito Sanitário Especial Indígena Alto Rio Solimões. Segundo a fundação, a paciente pode ter tido contato com o médico que atua no mesmo distrito e que também testou positivo para covid-19, segundo a Agência Brasil.

Há ainda 106 casos de pessoas que apresentaram sintomas da doença, se submeteram a testes e aguardam os resultados.

Sobre a possibilidade de transmissão do vírus entre os indígenas, a Sesai afirma estar atenta, “trabalhando para atender aos mais de 800 mil indígenas aldeados e presentes em todo o Brasil”, em conformidade com as orientações técnicas para ajudar a prevenir, combater e tratar a infecção pela covid-19.

Em nota, a Fundação Nacional do Índio (Funai) lembrou que, por precaução, suspendeu a concessão de novas autorizações de entrada de não-índios em terras indígenas. E que está monitorando a situação nas aldeias, em parceria com a Sesai, que é a responsável por definir as instruções de prevenção da doença. A Funai, por sua vez, garante estar trabalhando “na orientação e difusão de informações junto às

Comentários