23 de julho de 2021 às 19:48
Escolha seu idioma:

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Atlético-MG fará reunião para tirar Denílson do Vitória


Publicado em: 01/06/2018 7:23
Por: Correio


O atacante Denílson pode deixar a Toca do Leão nas próximas horas com destino à Cidade do Galo. O Atlético-MG tem interesse em comprar o jogador e uma reunião será realizada nesta quinta-feira (31) à tarde entre a diretoria mineira e o empresário do atleta, Frederico Moraes.

“Vai ter uma reunião hoje à tarde. Eu estou no Rio de Janeiro ainda, o Atlético-MG jogou em Recife, foi tudo muito rápido e não tem nada fechado”, afirmou o agente do atacante, por telefone, ao CORREIO.

Como já defendeu o Vitória seis vezes no Campeonato Brasileiro, ele foi cortado da relação do jogo contra o Internacional, no Barradão, válido pela oitava rodada da competição. Se entrasse em campo, não poderia mais defender nenhuma outra equipe da Série A este ano. “Está em negociação. Não sei o clube. Foi me dito que estaria fora da partida em virtude disto”, confirmou o técnico Vagner Mancini, durante entrevista coletiva após a derrota por 3×2 para a equipe gaúcha.

O interesse do Atlético-MG surgiu na terça-feira (29) à noite. “A gente não quer prejudicar o Vitória. A necessidade de tirar do jogo ontem é uma coisa normal, porque acabaria tudo. A intenção agora é que seja decidido o quanto antes pra ninguém ficar prejudicado no processo”, afirmou Frederico Moraes.

De acordo com a assessoria de comunicação do Vitória, Denílson se apresentou na Toca do Leão na manhã desta quinta-feira (31) junto com os demais jogadores do elenco. O treinamento foi realizado com portões fechados à imprensa. Ainda de acordo com a assessoria do clube, a diretoria rubro-negra só vai se pronunciar sobre o assunto quando houver alguma definição oficial.

Denílson, 22 anos, foi revelado no Fluminense. Das Laranjeiras, ele se tranferiu para o exterior. O Granada, da Espanha, adquiriu seus direitos federativos e o emprestou para Neftchi, do Azerbaijão, Avaí e São Paulo. Depois de uma temporada ruim na equipe paulista no ano passado, ele se tornou vice-artilheiro do Vitória. Com 11 gols, perde apenas para Neílton, que já marcou 16 vezes com o uniforme vermelho e preto.

Em Salvador, Denílson se envolveu em dois episódios de indisciplina. Ele foi um dos brigões do Ba-Vi do dia 18 de fevereiro, válido pela fase classificatória do Campeonato Baiano. Como consequência, foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) com oito jogos de suspensão.

No último dia 15, o atacante se recusou a viajar com a delegação rubro-negra para São Luís, onde o Vitória enfrentaria o Sampaio Corrêa, pelas quartas de final da Copa do Nordeste, e não compareceu ao aeroporto. Acabou multado pelo clube em 25% do salário.

Comentários