13 de agosto de 2022 às 21:38
Escolha seu idioma:

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Governo do Estado lança Copa de Futebol Feminino Loreta Valadares


Publicado em: 14/06/2022 9:41
Por: Redação Bahia Municipios com Agências Foto: Divulgação


Jogadoras de diversas gerações do futebol baiano marcaram presença, na tarde desta segunda-feira (13), no lançamento da primeira edição da Copa de Futebol Feminino Loreta Valadares. A competição, realizada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), vai reunir mais de 400 atletas entre os dias 3 de julho e 20 de agosto, em Salvador.

Serão 20 equipes regionais nas categorias Sub-17 e Adulto que disputarão partidas, aos sábados e domingos, no Estádio de Pituaçu, com apoio técnico da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb). O evento conta com um investimento de aproximadamente R$ 178 mil, fruto de convênio com o Ministério da Cidadania.

“A Copa Loreta Valadares é mais um passo na consolidação de um calendário institucional que promova o futebol feminino na Bahia, uma demonstração da nossa determinação de combater a desigualdade de gênero no esporte”, destacou o titular da Setre, Davidson Magalhães, durante o lançamento.

Jogadora da equipe do Centro de Formação de Futebol da Bahia (Cffb), Daniele Santiago, 16 anos, está ansiosa para o início dos jogos. Inspirada por grandes nomes do futebol, como Formiga e Marta, ela conta que deu os primeiros passos no esporte ainda criança, jogando com os primos no bairro onde mora. “O futebol virou uma paixão na minha vida. Estamos treinando três vezes por semana, de forma intensa, para participação dessa competição maravilhosa, que vai abrir as portas não só pra mim, mas para várias atletas que podem ser vistas por clubes maiores”, afirmou.

Foto: Divulgação/Setre

Na ocasião, a técnica da Seleção Brasileira Feminina de Fut7, Dilma Mendes, lembrou-se do período em que a prática do esporte por mulheres era proibida por lei, em todo o país, e acontecia na clandestinidade. “Hoje as meninas não precisarão mais passar por isso, vão contar com todas as condições que nós sonhamos e merecemos. Essa competição é pioneira e vai mostrar que a Bahia tem voz e ações no futebol feminino”, ressaltou.

A Copa homenageia Loreta Valadares, feminista e ativista política que lutou contra a ditadura militar instalada no Brasil em 1964 e foi professora da Universidade Federal da Bahia. Faleceu em 2004, deixando uma importante contribuição ao movimento de mulheres e de luta para a conquista e garantia dos direitos humanos no país.

Participaram do evento, o diretor-geral da Sudesb, Vicente Neto; a secretária estadual de Políticas para as Mulheres, Julieta Palmeira; os deputados federais Alice Portugal e Daniel Almeida e os deputados estaduais Olívia Santana e Bobô.

Comentários