18 de agosto de 2022 às 17:25
Escolha seu idioma:

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

“Motoristas de aplicativos são uma das categorias mais afetadas pela insegurança”, diz Fabrício Araújo


Publicado em: 24/05/2022 9:08
Por: Redação Bahia Municipios com Agências Foto: Divulgação


O presidente do PP Jovem em Salvador e pré-candidato a deputado federal, Fabrício Araújo, afirmou que os motoristas de aplicativo são uma das categorias mais afetadas com a situação generalizada de violência e insegurança nas principais capitais do país. Segundo ele, esses profissionais estão desprotegidos pelo Estado e são obrigados a criar mecanismos para enfrentar esta atual situação.

“Eles se unem através de ferramentas como os grupos de whatsapp, onde se informam sobre os locais mais perigosos em Salvador e acerca das últimas ocorrências onde a criminalidade torna como vítimas motoristas de aplicativo”, diz Fabrício Araújo.

Ele também frisou que os moradores de bairros periféricos de Salvador são bastante prejudicados pelo estado de insegurança atual. “Como forma de se proteger, muitos motoristas de aplicativos recusam corridas para localidades consideradas violentas. Com essa situação, muitas vezes os moradores desses bairros, principalmente de noite e na madrugada, têm reduzidas suas possibilidades de mobilidade urbana”, pontuou.

Recentemente, em Salvador, Fabrício Araújo e o deputado estadual Niltinho (PP) tiveram uma reunião com motoristas de aplicativo acerca dos problemas da categoria. Como, por exemplo, as altas taxas cobradas por algumas empresas de transporte por app.

Segundo pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA). o Brasil tem 1,5 milhão de pessoas que atuam como motoristas e entregadores de aplicativos, taxistas, mototaxistas e outras atividades por conta própria no setor de transporte.

Comentários