26 de julho de 2021 às 23:18
Escolha seu idioma:

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Professores e estudantes de Vitória da Conquista participam de maratona tecnológica


Publicado em: 20/04/2018 15:40
Por:


Os estudantes da rede estadual de Vitória da Conquista estão participando da segunda edição da maratona tecnológica “Hackathon – Desafios e-Nova”. A iniciativa, promovida pela Secretaria da Educação do Estado, por meio do projeto e-Nova Educação, permite que estudantes, professores e gestores desenvolvam, de forma conjunta, ações pedagógicas utilizando os Chromebooks, que estão sendo disponibilizados para as escolas a partir do projeto e-Nova Educação, além de aplicativos e ferramentas do Google.

A primeira unidade escolar a participar da maratona, neste ano, é o Centro Estadual de Educação Profissional em Saúde Adélia Teixeira (CEEP), localizado em Vitória da Conquista, a 519 quilômetros de Salvador). As atividades estão sendo realizadas durante dois dias, nestas quinta e sexta-feira (19 e 20). Nesta edição, acontece o “Hackathon – Trilha Pedagógica” para professores e gestores) e três modalidades de Hackathon para alunos, professores e gestores, que são: “Hackathon – Criação de Sites” (através do APP Google Sites), “Hackathon – Criação de Storytelling” (criação de histórias através de recursos multimídias) e “Hackathon – Criação de Fanfiction” (recriações de histórias ficcionais).

As trilhas pedagógicas, sites, storytelling e fanfiction são contextualizados com questões relacionadas à realidade local e abordam temas, como cidadania, saúde e segurança, mas, também, há estímulos às produções ficcionais. O estudante Rômulo Thomaz Marcelino, 18, que faz o curso técnico em Segurança do Trabalho, está produzindo com sua equipe um Storytelling.

“Criamos uma história sobre um reino medieval que habita criaturas de diferentes raças e humanos. Estou achando essa maratona muito interessante porque estamos utilizando ferramentas do Google como o Evernote para escrever os textos que terão visibilidade no site que outra equipe está criando. Além disso, o trabalho em equipe é muito importante, ainda mais pelo fato da minha formação exigir uma boa relação profissional com todos”, afirma, entusiasmado.

Quem também está animada com o Hackathon é Dainan Amorim, 17, do curso técnico em Enfermagem. “Estamos fazendo uma adaptação da história da série de TV ‘Supernatural’ com a história do filme e jogo de vídeo game ‘Silent Hill. Trata-se de uma obra de terror na qual estamos utilizando toda a nossa criatividade. Para isso, estamos usando ferramentas do Google Docs e, também, o aplicativo Evernote”, revela a estudante.

Segundo a coordenadora de Tecnologias e Plataformas Multimídias, da Coordenação de Articulação de Projetos para a Educação (Coape), da Secretaria da Educação do Estado, Carla Almeida, a maratona é iniciada com uma oficina interativa e, logo em seguida, as equipes se reúnem para desenvolver seus produtos. “É o momento de protagonismo da comunidade escolar aplicando a intermediação tecnológica. Assim, teremos várias produções, o que fortalece a autonomia e a criatividade”, destaca.

Itabuna e Ilhéus 

Após Vitória da Conquista, a atividade chegará a Ilhéus, a 373 quilômetros de Salvador, nos dias 24 e 25 de abril, de 8h às 12h, no Centro Estadual de Educação Profissional em Gestão e Tecnologia da Informação Álvaro Melo Vieira (CEEP). Já no dia 26 e 27 de abril, a experiência tecnológica acontece em Itabuna (a 355 quilômetros da capital, no mesmo horário, no Colégio Estadual Félix Mendonça.

Comentários